Educação Inclusiva

Posted by:

Alunos em situação de inclusão muitas vezes são apenas matriculados nas turmas regulares, mas são marginalizados ou segregados pelos colegas, professores, equipe escolar ou pela arquitetura da escola.

 

Desde 2009 participo do Laboratório de Estudos sobre o Preconceito (LaEP) que é coordenado pelo professor José Leon Crochík. Uma das pesquisas que participei foi sobre educação inclusiva em que, entre outras etapas, foi desenvolvida uma escala para avaliar o grau de inclusão das escolas que se denominam inclusivas. Além disso, houve observação nas escolas e entrevistas com a equipe escolar. Os resultados foram publicados em artigos que estão organizados no livro Preconceito_e_Educação_Inclusiva. A teoria crítica da sociedade é a principal teoria utilizada para se discutir e interpretar os dados relacionados à educação inclusiva. O livro reúne ensaios sobre o fenômeno do preconceito, ensaios que direcionam a reflexão para a educação inclusiva e os resultados das pesquisas empíricas.

A organização da coletânea foi feita pelo LaEP, com os seguintes membros: Aline Mossmann, Cíntia Copit Freller, José Leon Crochík, Karen D. M. Ferreira; Lenara Spedo, Lucas B. M. da Silva, Marian A. L. Dias, Marisa Fefferman, Patrícia Ferreira de Andrade, Raphael Camara, Ricardo Casco e Thiago Bloss.

 

O download completo do livro Preconceito e Educação Inclusiva está disponível no link abaixo:

Preconceito_e_Educação_Inclusiva

Capturar

0


About the Author:

Karen D. M. Ferreira é psicóloga clínica, com pós-graduação em Sócio-Psicologia, mestrado em Educação e doutoranda em Psicologia Escolar e do Desenvolvimento Humano. Atualmente também colabora com pesquisas do Laboratório de Estudos Sobre o Preconceito do Instituto de Psicologia da USP, coordenado pelo profº José Leon Crochík.